Projeto entre a FMP e o MP transforma vidas

de de

Quem olha o sorriso tímido da jovem Vitória da Silva Guimarães, de 18 anos, pode não imaginar a força e a determinação que, diariamente, a fazem lutar para mudar a realidade, não só de sua família, mas da sociedade em que vivemos. De família humilde, conviveu desde muito cedo com a violência. Ainda criança perdeu pai e mãe assassinados e, aos 12 anos, passou a morar no abrigo Pão dos Pobres, em Porto Alegre. Mas as dificuldades não são obstáculos intransponíveis para essa determinada jovem, que tem o sonho de ser juíza. Em fevereiro deste ano, Vitória ingressou na Faculdade de Direito da Fundação Escola Superior do Ministério Público (FMP), com bolsa integral de estudos, proporcionada através de uma parceria entre a FMP e o Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP/RS).
Acadêmica aplicada, Vitória já está bem entrosada com os colegas e adora o ambiente da Faculdade. E diante de tantas novidades, o que antes era apenas um sonho, hoje começa a se tornar realidade. “Eu queria mudar o pensamento de muitas pessoas que acreditam que os jovens que vivem em abrigos são envolvidos com drogas. Eu tracei meus objetivos, estudei muito, tive bom desempenho no Enem e hoje eu curso Direito, em uma Faculdade que é referência. Essa oportunidade que me deram aqui na FMP foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida. Estou mostrando para todo mundo que é possível sim, realizar seus sonhos.”
O presidente da Fundação Escola Superior do Ministério Público, Dr. David Medina destaca a alegria da instituição em fazer parte deste projeto e, principalmente, de contribuir para a transformação da sociedade, através de histórias como a da Vitória. “Este é um projeto extremamente promissor e vem ao encontro do que nós da FMP acreditamos, que é a educação como uma das formas de transformar a realidade brasileira. E para começar este projeto tivemos a felicidade de receber aqui a Vitória.”
Observa que vivemos em um país de muita exclusão social, de vulnerabilidade e de escassas oportunidades para quem nasce em famílias com poucos recursos. E ter a oportunidade de contribuir para mudar esta realidade é fundamental para a FMP. “Este projeto possibilita que jovens realizem seus sonhos, estudando gratuitamente, em uma instituição que se destaca por sua excelência de ensino e é uma Instituição que dá condições para esse jovem se destacar e também dar a sua contribuição para sociedade”, ressalta Medina.
O Diretor da Faculdade de Direito da FMP, Dr. Fábio Roque Sbardellotto destaca que ter a Vitória na Instituição é motivo de orgulho, principalmente por ver a determinação, empenho e dedicação da acadêmica. “Ela está determinada e focada em seus objetivos e temos orgulho de fazer parte desta história de transformação.”
Ressalta que o projeto com o Ministério Público e a FMP beneficiará também jovens que estão cursando o Ensino Médio, que terão a oportunidade de fazer estágio remunerado, na área administrativa da FMP. “Este estágio vai possibilitar que os jovens já comecem a se familiarizar com o ambiente acadêmico e, quem sabe, seguir os passos da Vitória e cursar a faculdade de Direito.” A seleção dos jovens, todos de abrigos de Porto Alegre, já iniciou e em breve, dois deles farão parte do quadro de colaboradores da FMP.

« Voltar